Connect with us

Cultura

Tofo Tofo – o grupo moçambicano que ensinou Beyoncé a dançar

Publicado

aos

Tofo tofo e Beyonce

 Como diz o ditado: “É melhor estar preparado para uma oportunidade e não tê-la do que ter uma oportunidade e não estar preparado.” A história do Tofo Tofo inspirando o vídeo de Beyoncé é um ótimo exemplo dessa afirmação.

Tofo Tofo é um grupo de dança de Maputo, Moçambique, que pratica a dança pandza misturada com Kwaito, seus membros fundadores, Mário Buzi e Xavier Champione, segundo uma reportagem na Record Tv na altura, praticam dança desde tenra idade, ganhando popularidade ao dançar na rua e eventualmente em casamentos e outras funções.

Beyoncé viu um vídeo deles dançando há algum tempo e guardou na memória, aguardando o momento certo para incorporar a dança em seu próximo projecto. O momento chegou um ano depois, quando ela estava filmando seu novo vídeo Run the World (Girls)“.

Beyoncé e sua equipe tentaram imitar e desenvolver seu estilo de dança no vídeo, mas não tiveram sucesso. Finalmente, Beyoncé decidiu voar com os meninos do Tofo Tofo para os Estados Unidos para ensiná-la e aos seus dançarinos. Houve um problema, pois ninguém sabia como encontrá-los. Eventualmente, após vários meses de busca, com envolvimento da embaixada, o grupo foi encontrado e voou para Los Angeles.

Tofo Tofo levou cerca de 19 dias para ensinar os dançarinos de Beyoncé a fazerem os passos, trabalhando das 10h às 18h todos os dias, e levaram três dias para gravar o vídeo. Os meninos estavam felizes por terem compartilhado sua cultura com o mundo por meio do vídeo.

Os meninos do Tofo Tofo trabalham amplamente entre jovens em várias partes de Moçambique para poder transmitir suas habilidades e contribuir para a construção da nação através disso.

Cultura

Camões libera 50 Passos para a liberdade da ditadura

Publicado

aos

Por: Milton Herminio

O Centro Cultural Português Camões, em Maputo, inaugurou na segunda-feira (1) a exposição “50 Passos para a Liberdade: Da Ditadura ao 25 de Abril”.

Esta exposição visa evocar a viragem histórica representada pelo 25 de Abril, celebrando a conquista da liberdade e a construção da democracia, ao mesmo tempo em que oferece uma visão do passado e perspectivas para o futuro.

A Comissão Comemorativa dos 50 Anos do 25 de Abril divulgou a história do 25 de Abril entre os jovens, selecionando 50 eventos relevantes do período que vai desde a posse do último presidente do Conselho de Estado, Marcelo Caetano, até à publicação da Lei 7/74, em 27 de julho.

Óscar Monteiro, que foi adjunto de Marcelino na área do ensino, comentou: “Não me cabe fazer estas análises sobre a situação portuguesa”. A primeira notícia que ouvimos na Rádio França Internacional foi sobre “o golpe de Estado em Portugal, desta vez é sério”.

Continuar a ler

Cultura

A pedido do público, Cine-Teatro Scala exibe “Tragédia Da Vingança”

Publicado

aos

O Cine-Teatro Scala atende aos pedidos do público e apresenta, no próximo dia 25 de janeiro, às 18h, o filme “Tragédia Da Vingança”. 

A obra, dirigida por Malegino Benzane, narra a história emocionante de Ndjombo, um adolescente que, após perder a mãe no parto e ser criado pela tia, decide deixar Chókwè e partir para Maputo aos 12 anos em busca de seu pai. 

Envolvendo-se no mundo do crime, Ndjombo lidera uma quadrilha patrocinada pelo comandante da Polícia, conhecido como Chefe Dinheiro. Apesar das adversidades, o protagonista persiste no desejo de encontrar seu pai, e surpresas aguardam quando ele descobre que o pai está mais próximo do que imaginava. 

Mais fast food:

O elenco estelar inclui Laquino Fonseca, Bob Star e Chefe Dinheiro. Os interessados podem garantir seus ingressos directamente no Cine-Teatro, ao preço de 200 MT. Além disso, uma oferta especial de 100MT está disponível para estudantes.

O filme, também pode ser assistido, através da plataforma moçambicana de filmes, NetKanema.

Continuar a ler

Cultura

Kulera apresenta Cálice de Metáforas

Publicado

aos

A Editora Kulera anunciou no dia de hoje, o seu mais recente projeto literário, intitulado “Cálice de Metáforas”, focado na publicação mensal de e-books dedicados à poesia e à prosa poética. 

Este novo empreendimento busca destacar e promover talentos literários no cenário da poesia, proporcionando uma plataforma regular para a divulgação de obras inspiradoras e criativas.

Cada e-book de “Cálice de Metáforas” incluirá uma seleção cuidadosa de poemas ou prosa poética de um ou mais autores, cujas obras serão escolhidas por um júri composto por escritores, poetas e críticos literários. 

Este projecto surge como uma evolução do bem-sucedido “Um Conto por Mês”, realizado ao longo de 2023, que foi totalmente dedicado a textos em prosa, especialmente contos e crónicas.

Continuar a ler